Um dedo e meio de whisky, um dedo e meio de um texto sem sentido.

Onde foi? Digam-me onde foi. Não que eu queira saber, mas é por que isso é preciso. Vamos, vejamos onde íamos, de tudo temos um pouco, de ex temos sempre, do que você é ex? Você mesmo, que conhece essa história e está aí, preocupado, tentando se convencer de que eu não to falando com você. A vida é boa, não? Não? Que seja, acordemos, brindemos, e o resto que se faça do melhor, ou pior, legal que se tenha notícia. Por que notícia é algo que eu não quero ter. Confesso, nunca senti ódio, mas eu bem que queria ter sentido, uma pena. Eu sou um sujeito de convicções fracas, confesso de novo, não gosto muito das coisas que gosto, tão pouco sou excessivamente contra às coisas das quais sou contra. E todo mundo ao meu redor quer ter sempre certeza de tudo, mas não é por que eles tem certeza, é por que eles são inseguros, é por que são iguais a mim mas não sabem disso ainda, logo todas as horas com a cara enfiada em livros os fazem crer que essa insegurança diminuiu. É incrível como o acréscimo de conhecimento devia fazer com que soubéssemos menos, mas na verdade faz com que saibamos mais. Terrível. Uma frase e assim a comunicação é cortada, uma frase me faz crer que nada mais na vida vale a pena, eu não quero viver nesse planeta mais. Odeio memes. Odeio, de novo a mesma palavra carregada de tudo, de ódio. A vida é mais que ódio, tem decepção e tristeza também. E por mais que você ache isso absurdo, afinal de contas eu tenho uma guitarra… Bem, relaxe, um dia você vai sentir isso tão forte que vai tentar dar o braço a torcer, mas não vai conseguir, e vai continuar sendo você, ainda bem. Somos todos essas coisas sem sentido, somos todos esses resultados sem sentido, libido e ardor, insônia e calor, nada mais. Você já se perguntou o que seu pai tá fazendo com sua mãe no quarto ao lado?

Anúncios

Sobre drepo

Pedro Lacerda, filho de Robson Lopes e Marivalda Lacerda, do Vale do Jequitinhonha.
Esse post foi publicado em Texto e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s