Estou Cansado

jpII

Estou Cansado.
Estou farto. Estou cansado de mim, de pensar e de ser. Estou cansado de agir sempre da mesma forma, pelo mesmo pretexto, cansado de comer a mesma comida e achar bom, cansado de procurar onde não está, tudo aquilo que eu quero. Estou cansado de tentar ser o melhor, de achar que sou o melhor, cansado da minha procura incessante pelo nada, cansado de acordar cedo e dormir tarde, cansado de acordar tarde e dormir tarde. Cansado de viajar na internet. Cansado de escutar as mesmas músicas, e gostar, de ler os mesmo livros, e gostar. Estou cansado de dizer as mesmas piadas, de ouvir as mesmas piadas, de rir de todas elas. Estou cansado das mesmas escolas, dos mesmos estudos, estou cansado de ver a mesma TV, de me divertir da mesma forma, de me distrair com as mesmas coisas, cansado de ter que sair, cansado de ter que fugir da realidade, de ter que ver os mesmos filmes, provar os mesmos doces, ler as mesmas notícias, dar os mesmos “boas-noites”, cansado de tomar o mesmo sorvete, de ver as mesmas mulheres nuas, nas mesmas revistas, de achar graça das mesmas sem gracisses de sempre, de inventar as mesmas palavras, cansado de acordar na mesma cama, de dormir na mesma cama, de entrar no mesmo quarto, de fechar a mesma porta, cansado de sentir sono, de sentir dor, de sentir fome, sede, náusea, raiva, cansado de ser infeliz, cansado de escolher quando ser feliz, cansado de procurar a felicidade nos mesmos lugares. Estou cansado. De procurar as palavras certas, nas horas erradas. De amar as mesmas mulheres, de sofrer sempre. Cansado de procurar nos outros, o que eu quero pra mim, cansado de ouvir as mesmas gírias, de ouvir os mesmos sonhos, de dar os mesmo conselhos, e saber que não adianta. Estou cansado das mesmas pessoas, das mesmas caras e das mesmas coroas, cansado da mesma euforia e da mesma decepção, cansado de ser educado, e de ser desrespeitado, cansado de pedir, e não atenderem, cansado da mesma chatice, da mesma burrice e da mesma tolice da minha juventude, estou cansado de ser jovem. Cansado de depender, cansado de sonhar, de sonhar com os outros, de aborrecer, de ser interrompido, e aborrecido, cansado de logar, de ganhar e de perder, e de empatar. Cansado de elogiar e de ser elogiado, de agradecer, de bem-dizer, de recomendar. Cansado das mesmas perguntas, com as mesmas respostas prontas, cansado de ouvir perguntas e não ter tempo pra responder, cansado de arriscar, e perder, de ser convidado e não comparecer, de não ser convidado e querer comparecer, cansado de responder quando eu não quero, cansado de não responderem as minhas perguntas, de não me darem a devida atenção, de admirar as pessoas sem que elas saibam, cansado de engolir a comida rápido, de ver o relógio girar, de ver o programa acabar, o gozo se extinguir, cansado do mesmo controle sobre nada, da mesma certeza de nada, da mesma falta de vontade, minha e dos outros, cansado dos outros, que outros? Estou cansado de me importar, com tudo e com todos, cansado de discutir com as mesmas pessoas, os mesmos assuntos, e sentir de novo, o mesmo sono, a mesma inércia. Cansado das injeções de animo de curta duração, de ter vontade, e não ter nada, cansado da mesma escola, do mesmo ônibus, da mesma porta, da mesma praça do mesmo banco. Cansado do mesmo cloro, da mesma água, do mesmo sal, salgado. Estou cansado dos mesmos problemas, dos mesmos imediatismos, das mesmas frases. Estou cansado da mesma hipocrisia, do mesmo mundo, das mesmas guerras, do mesmo preconceito, dos mesmos atores e atrizes, do mesmo palco da vida, que vida? Cansado de acreditar nos outros, de acreditar em tudo. Nas mesmas promessas, sem serem cumpridas. Cansado de pedir pra sair, e pedir pra entrar, de agradecer e recusar. Estou cansado, muito cansado, reset não existe. Estou cansado de querer ser outro, de toda vez tentar mudar tudo o que me cansa, sem conseguir. A única coisa que não me cansa é a vontade de escrever.

Publicado originalmente em 20/08/2005, ilustrado pela foto do topo da página, em http://fotolog.terra.com.br/peocplw:25.

Estou cansado. Mas estou feliz?

Anúncios

Sobre drepo

Pedro Lacerda, filho de Robson Lopes e Marivalda Lacerda, do Vale do Jequitinhonha.
Esse post foi publicado em Revisitado e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Estou Cansado

  1. Isabel disse:

    Estou cansada de ser humana. E viver numa sociedade ocidental. Mas estar cansado não quer dizer que a gente não queira mais o que cansa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s